Cabeçalho da página

Pintor ou designer popular: a etnografia de um ofício através do acervo de Edson Meirelles

Suiá Omim Arruda de Castro Chaves

Resumo

Edson Meirelles, fotógrafo e pesquisador carioca, confeccionou um acervo fotográfico composto por mais de 20 mil cromos entre 1971 e 2004, cujo principal objetivo é alavancar uma vasta documentação de expressões pictóricas populares, coletadas em diferentes cidades do Brasil. A categoria pintor ou designer popular foi utilizada por Meirelles para descrever uma atividade manual de pintura, que – embora heterogênea nas formas, propósitos e usos nas diferentes regiões do Brasil contemporâneo – delimita um ofício específico, envolvendo técnicas, talentos, conhecimentos e reconhecimentos, distinguindo-o de outras atividades, como a de pintor de paredes ou de quadros, de artista plástico, de designer ou de artista gráfico. O presente artigo propõe-se a realizar uma etnografia dos textos escritos por Meirelles sobre as especificidades e as diversidades dessas atividades que configuram o ofício de pintor ou designer popular.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazonica.v11i1.6706



 © As/os autoras/es que publicam na Amazônica Revista de Antropologia (ARA) retêm os direitos autorais e morais de seu trabalho, licenciando-o sob a Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil que permite que os artigos sejam reutilizados e redistribuídos sem restrições, desde que o trabalho original seja citado corretamente.

Gerencia do Portal:

Luciléia Silva

Email: lucileia@ufpa.br

 

Creative Commons License
Amazônica - Revista de Antropologia da Universidade Federal do Pará é licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil.

This is an open-access website under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Comercial License.
Based on a work at www.periodicos.ufpa.br.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/amazonica.