Cabeçalho da página

Os espíritos apapayêi e as doenças entre os mehinako

Roberta Garcia Anffe Braida

Resumo

Baseado em uma pesquisa etnográfica com os Mehinako, grupo aruaque do alto Xingu, o artigo se volta para os vínculos entre humanos e os espíritos apapayëi, com ênfase no adoecimento e os rituais que mobilizam. Pelo que pude aprender com meus interlocutores mehinako, a doença entre os humanos é produto de uma punição mítica que gera uma assimetria original entre aqueles que se tornaram apapayêi, e não possuem bens e recursos, e os humanos atuais, possuidores de objetos e alimentos. Os apapayêi tentam reverter a assimetria forçando uma reciprocidade com os humanos através das doenças e das subsequentes festas de cura, possibilitando a retribuição parcial da perda. 


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazonica.v9i2.5675



 © As/os autoras/es que publicam na Amazônica Revista de Antropologia (ARA) retêm os direitos autorais e morais de seu trabalho, licenciando-o sob a Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil que permite que os artigos sejam reutilizados e redistribuídos sem restrições, desde que o trabalho original seja citado corretamente.

Gerencia do Portal:

Luciléia Silva

Email: lucileia@ufpa.br

 

Creative Commons License
Amazônica - Revista de Antropologia da Universidade Federal do Pará é licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil.

This is an open-access website under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Comercial License.
Based on a work at www.periodicos.ufpa.br.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/amazonica.