Cabeçalho da página

Dengue e falta de infraestrutura urbana na Amazônia brasileira: o caso de Altamira (PA)

Igor Cavallini Johansen, Roberto Luiz do Carmo

Resumo

Procurou-se compreender neste estudo quais foram os principais fatores que contribuíram para a deflagração das epidemias de dengue no município de Altamira (Pará) nos anos de 2009 e 2010. Para tanto, buscou-se realizar a análise da relação dialética estabelecida entre população e ambiente. A dinâmica ambiental foi verificada a partir das condições de saneamento básico do município. Já a dinâmica populacional foi aferida a partir da observação da morbidade e mortalidade por dengue. Concluiu-se que a dengue consiste em um fenômeno complexo pela sua multicausalidade, ou seja, por possuir imbricações diversas e complexas entre seus fatores causais. Verificou-se, ainda, que as condições do saneamento básico ou infraestrutura urbana, mostraram ser não o único fator, mas provavelmente um dos mais importantes a serem considerados enquanto capazes de propiciar o desencadeamento de uma realidade epidêmica de dengue.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v15i1.736

Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536