Cabeçalho da página

A moralidade em uma cidade tropical: Belém no século XIX em Viagem do naturalista inglês Henry Walter Bates

Marcelo Werner da Silva

Resumo

Análise do livro de viagem do naturalista Henry Walter Bates, que esteve na Amazônia no período de 1848 a 1859 estudando e coletando amostras de animais e plantas da região. Destacamos suas observações sobre a cidade de Belém do Pará, ponto de chegada e sua base operacional durante mais de três anos. Tais observações configuram um painel sobre a cidade, com citações a respeito dos mais diversos aspectos de sua vida social, política e econômica. De sua análise, destacamos as representações portadoras de conteúdos ideológicos, como sua leitura sobre a moralidade em uma cidade nos trópicos, em que se percebe a carga ideológica e de pré-conceitos inerente a descrições de realidades estranhas às referências culturais do observador. Por outro lado, pode-se constatar como a cidade, com seu cotidiano e suas práticas, foi vista por alguém desacostumado a seu cotidiano.


Palavras-chave

viajantes; livros de viagem; visões urbanas; Belém do Pará; século XIX


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v19i3.2592

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536