Cabeçalho da página

Migração internacional na Amazônia brasileira no Censo Demográfico de 2010

Jonatha Rodrigo de Oliveira Lira, Daniel Esteban Quiroga

Resumo

O objetivo principal deste artigo consiste em identificar novos padrões migratórios na Amazônia brasileira, tendo como objeto de pesquisa as mudanças na origem e nos fluxos da migração internacional na região. O estudo fundamenta-se no uso de dados censitários e na relevância da desagregação dos dados por sexo e país de origem, além da utilização do software Redatam+Sp para a decodificação dos microdados do Censo Demográfico brasileiro de 2010. A pesquisa permitiu demonstrar que os padrões dos fluxos migratórios internacionais, tradicionalmente originários da Europa e do Japão, sofreram mudanças significativas a partir da segunda metade do século XX, concentrando principalmente migrantes oriundos de países fronteiriços. Outra constatação apontada pelo estudo na análise da relação entre gêneros, baseada na divisão por sexo, revela que a distribuição espacial na Amazônia brasileira apresenta padrões diferenciados, conforme o país de origem dos imigrantes. Entre as razões que podem explicar esse fenômeno destacam-se a proximidade geográfica, as diferenças socioeconômicas entre os países amazônicos, o empoderamento da mulher e/ou a migração familiar.


Palavras-chave

Migração Internacional, Amazônia brasileira, Censo Demográfico, Países fronteiriços


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v19i2.2572


Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536