Cabeçalho da página

Trabalhadores na produção da essência de pau-rosa na Amazônia

Renan Albuquerque Rodrigues, Deilson do Carmo Trindade, Mirian Souza Bitencourt

Resumo

O objetivo deste artigo consiste em analisar o processo produtivo da essência de pau-rosa na Amazônia, com base nas narrativas dos trabalhadores. Foram coletados depoimentos sobre extração, transporte e destilação da árvore de pau-rosa, bem como a transformação da matéria-prima em óleo linalol em usinas de beneficiamento instaladas em Parintins e Nhamundá, no interior do estado do Amazonas. Observou-se como desempenhavam suas atividades e as particularidades do trabalho nas usinas. Percebeu-se, ainda, a estratégia de solidariedade coletiva relacionada à resistência e à acomodação quanto ao endividamento com o patrão. A análise fundamenta-se nos textos de Meihy (2002), Santos (1980), Meira (1995), Euclides da Cunha (2001) e Carlos Teixeira (2009).


Palavras-chave

Pau-rosa; Trabalho; História Oral; Narrativas; Amazônia.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v19i2.2197

Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536