Cabeçalho da página

Análise da expansão do cultivo da palma de óleo no Nordeste do Pará (2008 a 2013)

Wanja Janayna de Miranda Lameira, Ima Célia Guimarães Vieira, Peter Mann de Toledo

Resumo

A palma de óleo (Elaeis guineensis Jacq.) ganhou maior visibilidade e incentivos na região nor­deste da Amazônia nos últimos dez anos e um conjunto de ações políticas recentes per­mitiram a formação de territórios da palma. O objetivo deste trabalho é analisar a expansão dessa cultura no período 2008 a 2013, na re­gião conhecida como polo do dendê no Pará, utilizando Sensoriamento Remoto e Sistema de Informação Geográfica. O polo está loca­lizado no nordeste do estado e abrange cerca de 59.600 km² e 37 municípios. Os resultados mostram a existência de dois padrões espaciais bem distintos: (i) áreas de cultivo de palma de óleo com mais de 10 anos de produção e pre­sença de menor número de empresas; (ii) áreas recentes com palma de óleo, presença de maior número de empresas e melhores condições de infraestrutura. O contexto em que se expande a produção da palma no Pará é de vulnerabi­lidade socioeconômica e desafia a produção sustentável da cultura no estado.


Palavras-chave

Interdisciplinaridade, Dendeicultura, Desmatamento, Geotecnologias


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v18i2.1990

Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536