Cabeçalho da página

Indicadores educacionais e a ideia da integração do ensino: o ensino médio na Amazônia sob análise

Ronaldo Marcos de Lima Araujo, Doriedson do Socorro Rodrigues, João Paulo da Conceição Alves

Resumo

O trabalho analisa alguns indicadores educacionais do ensino médio em municípios da Amazônia brasileira, observando as variáveis reprovação, aprovação, abandono e distorção idade-série. A partir de dados do INEP, e sob abordagens quantitativa e qualitativa foram feitas análises referentes aos anos de 2002, 2007 e 2012, com destaque aos espaços rurais e urbanos. Os dados revelam a configuração atual de um ensino médio problemático nos centros urbanos, com a piora dos índices de fluxo na zona rural da Amazônia. O Pará e o Tocantins apresentam altos índices de reprovação em municípios longínquos dos centros urbanos e, portanto, distantes de um relativo desenvolvimento econômico. É imperiosa a necessidade de políticas públicas que permitam uma formação integrada em correlação às ações que impeçam a juventude em idade escolar entrar precocemente no trabalho, privando-a de uma formação totalizante e ampliada.


Palavras-chave

Amazônia; Trabalho; Educação; Ensino Médio; Ensino Médio Integrado.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5801/ncn.v18i2.1778


Flag Counter

Print ISSN: 1516-6481 – Eletrônica ISSN: 2179-7536