Cabeçalho da página

Ritual e encenação no Xingu: a reinvenção do mito Jamurikumalu na etnografia fílmica

Wendell Marcel Alves Costa

Resumo

Este trabalho faz uma análise do curta-metragem Porcos Raivosos (Isabel Penoni e Leonardo Sette, 2012), desconstruindo os caminhos técnicos e poéticos do filme enquanto obra cinematográfica e documento pertinente sobre a história cultural de um povo em específico do Xingu, no Brasil. A análise de Porcos Raivosos identifica o processo de ritualização e encenação do mito Jamurikumalu e sua reinvenção pela etnografia fílmica.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazonica.v8i2.5057

© Direitos reservados à Amazônica - Revista de Antropologia
This is an open access website under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Comercial License.
Designed by: Leonardo Baima
Creative Commons License
Amazônica - Revista de Antropologia da Universidade Federal do Pará é licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil.
Based on a work at www.periodicos.ufpa.br.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/amazonica.